Fotografo: Débora Rodrigues/TV Tapajós
...
Reunião no plenarinho da Câmara Municipal de Santarém sobre iluminação pública na PA-370

A Prefeitura de Santarém, no oeste do Pará, vai tentar por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) uma negociação junto à concessionária de energia Celpa, para o rebaixamento da rede em alguns trechos da rodovia Santarém-Curuá-Una, para que o município possa executar os serviços de iluminação pública ao longo da via.

O assunto foi discutido pelo secretário de Infraestrutura Daniel Simões, com vereadores e lideranças comunitárias de bairros localizados entre a ponte do Urumari e a Serra do Diamantino, na manhã desta terça-feira (9), em reunião no plenarinho da Câmara Municipal de Santarém.

Em resposta a uma solicitação feita pelo vereador Tadeu Cunha (DEM), à Celpa, sobre o rebaixamento entre os quilômetros 5 e 12, a empresa informou que já existe rede de média tensão no local, porém, a responsabilidade pelo rebaixamento para atendimento exclusivo da iluminação pública é da prefeitura, que deve apresentar projeto elétrico à concessionária e construir rede de baixa tensão com recursos destinados à iluminação pública do município.

Segundo Daniel Simões, o município teria que gastar mais de R$ 200 mil para fazer o rebaixamento da rede. Sem esse recurso, a Prefeitura vai tentar junto à concessionária de energia que execute o serviço de rebaixamento a um custo menor para o município.

Há muitos anos os moradores dos bairros cortados pela PA-370 cobram do município a colocação de luminárias ao longo das laterais da rodovia, onde já foram registrados diversos acidentes, inclusive com vítimas fatais, devido à falta de iluminação.